Hyundai HB20S Premium 1.6 AT
Desempenho 3
Consumo 3
Segurança 3
Conectividade 3
Conforto 3
Pacote de série 3
Mercado 3

A mais bem equipada versão da linha HB20S tem mais conteúdo. O que é novo Na linha 2019, o revestimento interno de couro deixou de ser opcional no Hyundai HB20S Premium, agora o item é de série nesta versão topo de gama. O interior é cinza no sedã e marrom no hatch. A central blueMedia ..

Summary 3.0 muito bom
Desempenho 3.8
Consumo 3.2
Segurança 3.8
Conectividade 4
Conforto 4.4
Pacote de série 3.8
Mercado 3.2
Faça sua própria avaliação deste carro. Clique nas estrelas acima e dê sua nota: 1= ruim; 2= básico; 3= médio; 4= bom; 5= ótimo. Depois clique em “Aceitar”. Você só pode votar uma vez .
Aceitar
Summary 3.7 muito bom

A mais bem equipada versão da linha HB20S tem mais conteúdo.

O que é novo

  • Na linha 2019, o revestimento interno de couro deixou de ser opcional no Hyundai HB20S Premium, agora o item é de série nesta versão topo de gama. O interior é cinza no sedã e marrom no hatch.
  • A central blueMedia passou a contar com TV Digital e esta versão ganhou rodas de 15’’ com acabamento diamantado.
  • Agora, o modelo herdou algumas características do hatch esportivado R spec. São elas: o painel de instrumentos com iluminação em tons de branco, que traz marcadores analógicos da temperatura do motor e nível de combustível, e a grade frontal tipo colmeia.

O que nós gostamos

  • Lançado em 2013, o HB20S ainda entrega um conjunto equilibrado, com design atraente e bom acabamento para a categoria.
  • As suspensões têm ajustes que privilegiam o conforto, transmitindo suavidade ao rodar.
  • O motor 1.6 com comando de válvulas variável e 128 cavalos de potência associado ao câmbio automático de 6 velocidades, tem desempenho que agrada.
  • A central blueMedia de 7” é boa, conta com TV Digital e conectividade com Android Auto e Apple CarPlay.
  • De série, o HB20S Premium traz ainda ar-condicionado automático digital de uma zona, airbags laterais, isofix, faróis de neblina, rodas de liga leve, retrovisores externos rebatíveis automaticamente e faróis com acendimento automático.

O que pode melhorar

  • Embora seja leve, a direção ainda conta com assistência hidráulica. Uma direção elétrica seria bem-vinda, permitindo mais conforto, principalmente nas estradas.
  • Quando se exige mais do motor, o torque máximo só é atingido a altos 5.000 rpm, elevando o nível de ruído dentro da cabine.
  • Ao contrário de alguns concorrentes, o modelo ainda não oferece assistente de partida em rampa nem os controles eletrônicos de tração e estabilidade.
  • O assento central traseiro não oferece apoio de cabeça nem cinto retrátil de três pontos.
  • O ajuste de altura do banco do motorista não é muito eficiente (inclina somente a parte frontal e não todo o assento).

Os números

Ano: 2019 
Preço: R$ 72.990*
Motor: 1.6 flex
Potência máxima: 128 cv (e)
Torque máximo: 162 Nm (e)
Câmbio: 6 marchas AT
Comprimento: 4,230 m
Largura: 1,680 m
Altura: 1,470 m  
Entre-eixos: 2,500 m
Peso: 1.086 kg
Pneus: 185/60 R15
Porta-malas: 450 litros
Tanque: 50 litros
0-100 km/h: 10s6
Vel.  máxima: 191 km/h
Consumo cidade: 10,2 km/l (g)
Consumo estrada: 12,9 km/l (g)
Emissão de CO2: 120 g/km

*Veja o preço atualizado no site do fabricante.

Veja outros carros dessa Categoria

JAC T50 1.6 CVT: versão Pack 3 tem bom pacote de equipamentos

JAC T50 1.6 CVT: versão Pack 3 tem bom pacote de equipamentos


JAC T50 1.6 CVT: versão Pack 3 tem bom pacote de equipamentos

O JAC T50, que chegou ao mercado no fim do ano passado, substituiu o JAC T5 com muitos itens adicionais de conveniência, como sistema start/stop, sistema keyless (acionamento do motor e abertura das portas sem a necessidade de chave), câmera panorâmica de 360º (frontal e de ré), rebatimento...

Fiat Argo Trekking é um aventureiro com motor 1.3 e câmbio manual

Fiat Argo Trekking é um aventureiro com motor 1.3 e câmbio manual


Fiat Argo Trekking é um aventureiro com motor 1.3 e câmbio manual

O Argo Trekking é uma versão aventureira do hatch fabricado em Minas Gerais, mas a Fiat prefere chamá-lo de CUV (Crossover Urban Vehicle). A verdade é que, como aventureiro ou como CUV, o Fiat Argo Treeking é boa opção para quem procura um carro compacto com suspensão elevada para enfrentar as...

Citroën C3 Attraction 1.6: câmbio automático para compensar o design

Citroën C3 Attraction 1.6: câmbio automático para compensar o design


Citroën C3 Attraction 1.6: câmbio automático para compensar o design

Na Europa, o Citroën C3 é comercializado em uma nova geração desde 2016, com design alinhado à nova identidade visual da marca, inaugurada pelo C4 Cactus. Por aqui, o hatch ainda é vendido com o design da atualização de 2012, sem previsão da chegada da nova geração. Para não ficar muito...

5 Comentários

  1. jose vinicius leite e sousa 25/05/2019
    Responder

    Nao ha nada para comentar. R$ 80.000,00 num carro que deveria valer R$ 60.000,00

    • ERICLIS MAGON 25/05/2019
      Responder

      José Vinicius, o problema é o preço de todos os carros no Brasil e não desse modelo em específico. O Hyundai HB20S Premium AT custa atualmente R$72.990 e seu principal concorrente, o Chevrolet Prisma LTZ AT, também está na mesma faixa de preço (R$71.490).

  2. HEITOR 25/05/2019
    Responder

    Estão cobrando 15 mil a mais do que vale.

  3. Walter Santos 27/05/2019
    Responder

    Sinceramente eu acho que a pessoa tem que estar muito bem disposta a pagar esse valor nesse carro.

    • ERICLIS MAGON 27/05/2019
      Responder

      Realmente, nos últimos anos os preços dos carros no Brasil estão bem elevados. Até alguns anos atrás, eram os sedãs médios que atuavam nessa faixa de preço e não os compactos.

Deixe um comentário