Volkswagen Virtus 1.6 MSI AT
Desempenho 3
Consumo 4
Segurança 5
Conectividade 2
Conforto 3
Pacote de série 1
Mercado 3

Versão automática do sedã compacto que se posiciona entre o Voyage e o Jetta na família Volkswagen. O que é novo O câmbio automático de seis marchas é a única novidade da linha 2019. A versão é identificada pela palavra “Automatic” na tampa do porta-malas. O que nós gostamos O baixo consumo é um dos ..

Summary 3.0 muito bom
Desempenho 3
Consumo 3
Segurança 4
Conectividade 3
Conforto 2
Pacote de série 2
Mercado 0
Faça sua própria avaliação deste carro. Clique nas estrelas acima e dê sua nota: 1= ruim; 2= básico; 3= médio; 4= bom; 5= ótimo. Depois clique em “Aceitar”. Você só pode votar uma vez .
Aceitar
Summary 2.8 bom

Versão automática do sedã compacto que se posiciona entre o Voyage e o Jetta na família Volkswagen.

O que é novo

  • O câmbio automático de seis marchas é a única novidade da linha 2019. A versão é identificada pela palavra “Automatic” na tampa do porta-malas.

O que nós gostamos

  • O baixo consumo é um dos grandes trunfos desse sedã.
  • O espaço traseiro para pernas é bom, pois tem a distância entre-eixos maior que seu irmão Polo.
  • Rodar macio, em função do ajuste da suspensão e dos pneus de perfil alto (195/65 R15).
  • Porta-malas de 521 litros.

O que pode melhorar

  • Faltam borboletas no volante para as mudanças manuais, pois o motor perde muito torque e potência nas subidas e o motorista precisa constantemente antecipar as marchas.
  • A relação peso/torque (70 kg/kgfm) é alta e com o câmbio no modo Sport o carro se torna arisco e barulhento.
  • O pacote de série é pobre: central multimídia com Android Auto e Apple CarPlay, rodas de liga leve e até sensor de estacionamento são opcionais.

Os números

Ano: 2019 
Preço: R$ 68.870*
Motor: 1.6 aspirado flex
Potência máxima: 117 cv (e)
Torque máximo: 162 Nm (e)
Câmbio: 6 marchas AT
Comprimento: 4,482 m
Largura: 1,751 m
Altura: 1,472 m
Entre-eixos: 2,651 m
Pneus: 195/65 R15
Peso: 1.154
Porta-malas: 521 litros
Tanque: 52 litros
0-100 km/h: 9s8
Vel. máxima: 195 km/h
Consumo cidade: 10,8 km/l (e)
Consumo estrada: 13,8 km/l (e)
Emissão de CO2: 112 g/km

*Veja o preço atualizado no site do fabricante.

Veja outros carros dessa Categoria

JAC T50 1.6 CVT: versão Pack 3 tem bom pacote de equipamentos

JAC T50 1.6 CVT: versão Pack 3 tem bom pacote de equipamentos


JAC T50 1.6 CVT: versão Pack 3 tem bom pacote de equipamentos

O JAC T50, que chegou ao mercado no fim do ano passado, substituiu o JAC T5 com muitos itens adicionais de conveniência, como sistema start/stop, sistema keyless (acionamento do motor e abertura das portas sem a necessidade de chave), câmera panorâmica de 360º (frontal e de ré), rebatimento...

Fiat Argo Trekking é um aventureiro com motor 1.3 e câmbio manual

Fiat Argo Trekking é um aventureiro com motor 1.3 e câmbio manual


Fiat Argo Trekking é um aventureiro com motor 1.3 e câmbio manual

O Argo Trekking é uma versão aventureira do hatch fabricado em Minas Gerais, mas a Fiat prefere chamá-lo de CUV (Crossover Urban Vehicle). A verdade é que, como aventureiro ou como CUV, o Fiat Argo Treeking é boa opção para quem procura um carro compacto com suspensão elevada para enfrentar as...

Citroën C3 Attraction 1.6: câmbio automático para compensar o design

Citroën C3 Attraction 1.6: câmbio automático para compensar o design


Citroën C3 Attraction 1.6: câmbio automático para compensar o design

Na Europa, o Citroën C3 é comercializado em uma nova geração desde 2016, com design alinhado à nova identidade visual da marca, inaugurada pelo C4 Cactus. Por aqui, o hatch ainda é vendido com o design da atualização de 2012, sem previsão da chegada da nova geração. Para não ficar muito...

Deixe um comentário