Volkswagen Virtus Comfortline 200 TSI
Desempenho 3
Consumo 4
Segurança 5
Conectividade 3
Conforto 3
Pacote de série 5
Mercado 3

O Virtus estreou em 2018 na linha Volkswagen, como versão três-volumes do Polo, para ser uma opção aos sedãs médios de entrada. Esta é a versão topo de linha. O que é novo Esta versão continua exatamente como era quando estreou, mas tudo por ser considerado novo. A principal novidade é que, mesmo sendo feito ..

Summary 3.7 muito bom
Desempenho 4.5
Consumo 4.5
Segurança 5
Conectividade 5
Conforto 5
Pacote de série 4.5
Mercado 4.5
Faça sua própria avaliação deste carro. Clique nas estrelas acima e dê sua nota: 1= ruim; 2= básico; 3= médio; 4= bom; 5= ótimo. Depois clique em “Aceitar”. Você só pode votar uma vez .
Aceitar
Summary 4.7 ótimo

O Virtus estreou em 2018 na linha Volkswagen, como versão três-volumes do Polo, para ser uma opção aos sedãs médios de entrada. Esta é a versão topo de linha.

O que é novo

  • Esta versão continua exatamente como era quando estreou, mas tudo por ser considerado novo. A principal novidade é que, mesmo sendo feito na mesma plataforma do Polo, ele tem a distância entre-eixos maior, o que melhora o conforto no banco traseiro.
  • Visto de frente, o Virtus é igual ao Polo, mas de traseira ele tem lanternas duplas e spoiler integrado à tampa do porta-malas.
  • É a primeira vez que o motor 1.0 turbo de três cilindros é usado num Volkswagen fabricado no Brasil.

O que nós gostamos

  • Esta versão é a mais bem equipada e traz uma boa central multimídia (Composition Touch) com App-Connect, que permite espelhar o smartphone. Ainda é possível dar um upgrade (opcional) para o sistema Discover Media, que inclui navegação por GPS.
  • O Virtus é apenas 50 kg mais pesado do que o Polo, de forma que a dirigibilidade dos dois carros é muito parecida.
  • O porta-malas de 521 litros é excelente.
  • A segurança é um ponto alto do Virtus, que traz controle de estabilidade/tração, isofix e airbags laterais, daí sua ótima avaliação nesse quesito.
  • Não era comum nos Volkswagen, mas agora passa a ser: a suspensão mais mole, que caiu bem no Virtus, oferecendo um rodar macio, porém sem estragar a dinâmica do carro nas curvas.
  • O câmbio automático de seis marchas aproveita muito bem os 128 cavalos de potência do motor 1.0.
  • O ajuste da direção elétrica também ficou muito bom, com cinco programas de variação.

O que pode melhorar

  • O carro anda bem em baixos giros, mas a potência máxima só é atingida a 5.500 rpm. O motor 250 TSI deixaria o Virtus realmente empolgante.
  • O carro tem sensores de estacionamento traseiro, mas ficaria ainda mais amigável se a câmera de ré também fizesse parte do pacote de série.

Os números

Ano: 2019
Preço: R$ 82.700*
Motor: 1.0 turbo flex
Potência máxima: 128 cv (e)
Torque máximo: 200 Nm (g/e)
Câmbio: 6 marchas AT
Comprimento: 4,482 m
Largura: 1,751 m
Altura: 1,472 m
Entre-eixos: 2,651 m
Peso: 1.192 kg
Pneus: 205/55 R16
Porta-malas: 521 litros
Tanque: 52 litros
0-100 km/h: 10s4 (g) e 9s9 (e)
Velocidade máxima: 189 km/h (g) e 194 km/h (e)
Consumo cidade: 11,2 km/l (g)
Consumo estrada: 14,6 km/l (g)
Emissão de CO2: 106 g/km

*Veja o preço atualizado no site do fabricante.

  • volkswagen_virtus_tsi_highline_24.jpg
  • 004_virtus-e1516732905960.jpg
  • Virtus-1.jpg

Veja outros carros dessa Categoria

JAC T50 1.6 CVT: versão Pack 3 tem bom pacote de equipamentos

JAC T50 1.6 CVT: versão Pack 3 tem bom pacote de equipamentos


JAC T50 1.6 CVT: versão Pack 3 tem bom pacote de equipamentos

O JAC T50, que chegou ao mercado no fim do ano passado, substituiu o JAC T5 com muitos itens adicionais de conveniência, como sistema start/stop, sistema keyless (acionamento do motor e abertura das portas sem a necessidade de chave), câmera panorâmica de 360º (frontal e de ré), rebatimento...

Fiat Argo Trekking é um aventureiro com motor 1.3 e câmbio manual

Fiat Argo Trekking é um aventureiro com motor 1.3 e câmbio manual


Fiat Argo Trekking é um aventureiro com motor 1.3 e câmbio manual

O Argo Trekking é uma versão aventureira do hatch fabricado em Minas Gerais, mas a Fiat prefere chamá-lo de CUV (Crossover Urban Vehicle). A verdade é que, como aventureiro ou como CUV, o Fiat Argo Treeking é boa opção para quem procura um carro compacto com suspensão elevada para enfrentar as...

Citroën C3 Attraction 1.6: câmbio automático para compensar o design

Citroën C3 Attraction 1.6: câmbio automático para compensar o design


Citroën C3 Attraction 1.6: câmbio automático para compensar o design

Na Europa, o Citroën C3 é comercializado em uma nova geração desde 2016, com design alinhado à nova identidade visual da marca, inaugurada pelo C4 Cactus. Por aqui, o hatch ainda é vendido com o design da atualização de 2012, sem previsão da chegada da nova geração. Para não ficar muito...

Deixe um comentário